domingo, 24 de novembro de 2013

DIA DAS NOSSAS BRUXAS





Caí,
Levantei,
De novo, caí...
Aprendi a viver em montanha russa
Dias altos, dias baixos
Dias ensolarados, dias temerosos
Noites enluaradas, breus completos
Frestas, as vezes, visão nenhuma
Estavas sempre comigo,
Por todas essas incursões,
O percurso foi doloroso, não solitário
Hoje, olhei pra você,
Então resolvi, deixar as janelas todas abertas
De uma só vez,
Permitir, que todas as bruxas,
Minhas e suas,
Saíssem em revoada, noite a fora...
Talvez sem volta,
Hoje será enfim, o dias das bruxas,
Soltas, desamarradas, desinterditadas,
Livres, terão escolha,
Enquanto nós, permanecemos abertos...

Vera Celms
Licença Creative Commons
O trabalho DIA DAS NOSSAS BRUXAS de Vera Celms foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou?